PROGRAMAÇÃO DEZEMBRO/2017
EBP/SEÇÃO-RIO


NOTA DA DIRETORIA

Estamos chegando ao fim do ano. Em novembro, realizamos nossas XXV Jornadas Clínicas com a presença de Araceli Fuentes e Maria Josefina S. Fuentes. Foram dois dias de trabalho e reflexão clínica sobre as loucuras e os amores na psicanálise. Nossas convidadas nos ensinaram um tanto sobre o que a análise lhes ensinou. Muitos casos foram debatidos e creio que cada um pôde extrair algo para sua própria formação na psicanálise de orientação lacaniana.

Outras atividades da Seção trouxeram ao Rio Angelina Harari, Oscar Zack e o cineasta Marcelo Caetano, que veio debater seu filme “Corpo elétrico”, numa atividade preparatória para as XXV Jornadas. Confiram abaixo os vídeos desses eventos.

Em dezembro, o Seminário de Orientação Lacaniana contará com a participação de todos os AMEs da EBP Rio na sessão conclusiva da atual coordenação do seminário por Marcia Zucchi e eu mesma. Já o seminário Lições do passe, coordenado por Stella Jimenez em cartel com Ana Tereza Groisman, Angélica Bastos, Gloria Maron e Romildo do Rêgo Barros, encerrará o ano trabalhando sobre o testemunho do passe de Maria Josefina Fuentes.

Para fechar o ano sem deixar de falar de flores, as diretorias da EBP Rio e do ICP RJ estão organizando uma Festa no dia 15 de dezembro! Estão todos convidados para um brinde entre 19h00 e 22h00. Vamos nos despedir de 2017 com alguma alegria?

Até lá,

Angela Bernardes



AGENDA

SEMINÁRIO DE ORIENTAÇÃO LACANIANA
Participam: Ana Lucia Lutterbach Holck, Heloisa Caldas, Maria do Rosário Collier do Rêgo Barros,
Marcus André Vieira, Romildo do Rêgo Barros
e Stella Jimenez
Coordenação: Angela Bernardes e Marcia Zucchi
4 de dezembro às 20h
Largo dos Leões, 70


LIÇÕES DO PASSE
Coordenação: Stella Jimenez
11 de dezembro às 20h
Largo dos Leões, 70


FESTA DE FIM DE ANO
Organização: Ana Tereza Groisman (ccord.), Ana Claudia Jordão, Anna Luiza Almeida, Francisca Menta e Isabel Bogéa
15 de dezembro às 19h
Rua Capistrano de Abreu, 14




VÍdeo

Assista aqui:
Noite da Biblioteca - Lançamento de "Criar e fruir da arte", de Maria Lídia Arraes 20/10/17:
https://youtu.be/7EJW6kw1GO8

Manhã de Carteis - Maria do Rosário 28/10/17:
https://youtu.be/FHXMFj9wcgg

Preparatória XI Congresso AMP - Oscar Zack 30/10/17:
https://youtu.be/m9-KyCmvfjU

Preparatória XXV Jornadas - Debate filme "Corpo Elétrico" 03/11/17:
https://youtu.be/YnohGgqb79w

Seminário de Orientação Lacaniana - Angelina Harari 06/11/17:
https://youtu.be/N5W6qfCZWPk



CRÉDITOS

Comissão de Divulgação e Mídia da Seção Rio:
Sandra Landim (coordenação), Lourenço Astúa de Moraes (consultor), Natália Maia Coutinho, Patricia Paterson, Paula Legey e Thereza De Felice.

 




Andamento do ICP-RJ



ECOS DAS JORNADAS

Nas ondas de “Corpo Elétrico”

Por Cecília Moraes, participante do núcleo de psicose e saúde mental

Como atividade preparatória para as XXV Jornadas Clínicas, tivemos a exibição do filme “Corpo Elétrico”, seguida por um debate pulsante, que contou com a presença do diretor, Marcelo Caetano, de Marcus André Vieira e de Paulo Vidal, em mesa coordenada por Andréa Reis.

Como dar notícias desse encontro? Escolhi fazê-lo partindo do efeito que teve em mim o filme.

Leia mais em: https://icprj.wordpress.com/2017/11/22/nas-ondas-de-corpo-eletrico


Ecos da Jornada

Por Leonardo Lacerda - Turma 2017 A palavra arte é a tradução latina para a palavra techné. Τεχνη em grego, ou simplesmente techné, significava para os gregos fazer aparecer, ποιησις, poíesis, o que faz com que algo passe do não ser para o ser, ou seja, remete à noção de desvelamento, revelação, produção da “verdade”, e dá origem a palavra poesia.

Leia mais em: https://icprj.wordpress.com/2017/11/22/ecos-da-jornada


Loucura Amor é na Psicanálise

Por Rodrigo Pedalini Borges Pires - Turma 2017

Perdoem-me pelo pobre mas inevitável jogo de significantes que intitula o texto que abaixo se incorpora.

Convidado a escrever em eco ao que vi e ouvi das XXV Jornadas Clínicas da Escola Brasileira de Psicanálise Seção Rio e do Instituto de Clínica Psicanalítica do Rio de Janeiro (10 e 11 de novembro de 2017), estou aqui olhando para o folder de programação da Jornada, para seu logotipo e pensando que a palavra Amor, escrita entre Loucura e Psicanálise, provocou em mim algumas elucubrações. Primeiro que, assim como inscrito, o amor foi o ponto central da Jornada.

Leia mais em: https://icprj.wordpress.com/2017/11/22/loucura-amor-e-na-psicanalise


Loucuras e Amores na Psicanálise

Por Adilson Valentim - Turma 2015

Apaixonado. Foi assim que me senti quanto à Jornada desse ano. Nos dois dias que estive por lá, o que pude ver e ouvir foi um encontro de pessoas absolutamente envolvidas com a Psicanálise. Cada um em seu momento distinto, dentro do qual localiza-se neste saber. Que tantas vezes se coloca como um não saber para que assim se mova. Com pontos de interrogação bastante presentes.

Leia mais em: https://icprj.wordpress.com/2017/11/22/loucuras-e-amores-na-psicanalise


Veja em breve na íntegra a aula inaugural do 2º semestre de 2017 no blog!



CIEN

Por Anna Luiza de Almeida e Silva

No dia 07 de novembro, aconteceu o encontro mensal dos laboratórios do Cien. Contamos com a apresentação de Jorge Carvalho, que faz parte do laboratório Pipa Voada e que, a partir de um vídeo sobre a teoria de Paulo Freire, trouxe-nos reflexões importantes sobre impasses que aparecem na educação e nos processos de aprendizagem.

A escola, hoje, parece sofrer com a nova lógica que se impõe: as figuras de autoridade já não respondem mais como antes. O professor, antes munido de saber e idade, não dispõe das mesmas ferramentas para capturar os alunos. Por outro lado, o imperativo de inclusão reforçaria a segregação ao retirar de cena o conflito, a singularidade.

Esse impasse que se apresenta leva a escola a buscar especialistas, que poderiam responder sobre o saber que “falta” à escola e ao professor, e que poderiam levar “o saber que não está lá”. A hipótese encontrada na conversação foi a de que, seguindo a leitura freireana, ensinar exige escutar, levar em consideração o saber que cada um traz ao processo de ensinar e aprender. Trata-se, também para o professor, de levar em consideração seu desejo, sua dificuldade. Assim, seria possível incluir a singularidade e o modo que cada um tem de conhecer o mundo.





AGENDA DO ICP


- CIEN RIO
Coordenação: Vania Gomes e Roberta D'Assunção
05 de dezembro às 20h30







BLOG E FACEBOOK

Convidamos a todos os associados, alunos e participantes do ICP a visitarem o blog das jornadas da EBP/ICP-Rio e o blog dos núcleos e unidades de pesquisa do ICP-Rio. Segue os endereços:







CRÉDITOS

Comissão de publicação do ICP-RJ: Cristina Duba (coordenação), Arthur Chicralla, Cecília Moraes, Leonardo Miranda, Luiza Sarrat Rangel, Sandra Landim, Tatiana Grenha e Thereza De Felice.